.

quarta-feira, 18 de dezembro de 2013

HYPNOTIC LOVE by Raynniere Makepeace




NEMESIS by Raynniere Makepeace






#vOdOoBitch by Raynniere Makepeace

TOLERÂNCIA?

Canadá pede que Rússia respeite
gays na Olimpíada de Sochi
O governo canadense fez um pedido formal ao governo russo pedindo que atletas LGBT não sejam discriminados no país que vai sediar a Olimpíada de Sochi, em fevereiro.
O pedido é justificável, já que a terra de Vladimir Putin pune a tal “propaganda gay” em frente a menores de idade desde meados de 2013. Inúmeros casos de violência homofóbica na Rússia também foram relatados durante este ano.
Segunda a agência “Efe”, o ministro das Relações Exteriores do Canadá, John Baird, redigiu uma carta endereçada ao chefe da mesma pasta na Rússia, Serguei Layrov.
“O Canadá segue preocupado pela legislação aprovada em junho de 2013 que proíbe a ‘propaganda de relações sexuais não tradicionais entre menores’”, escreveu Baird.
“O Comitê Olímpico Internacional e o Comitê Olímpico Canadense receberam garantias do governo de que esta lei não afetará aqueles que participarem dos Jogos de Sochi. Pedimos à Federação Russa que estenda a todos seus cidadãos, assim como aos visitantes estrangeiros, a total proteção dos direitos humanos, incluindo que não haja ameaça de violência, assédio ou discriminação sobre a base da orientação sexual”, solicitou o ministro canadense.
De acordo com o site “Opera Mundi, a carta de John Baird também sugere que Ottawa prevê problemas durante os Jogos de Inverno que serão realizados em fevereiro na cidade turística russa.
Baird incluiu no pedido a Lavrov o estabelecimento de “um ponto de contato apropriado com o governo russo para assuntos consulares durante (os jogos de) Sochi” e mostrou confiança em que a Rússia “permitirá acesso rápido e regular a qualquer cidadão canadense”.

HOMOFIN

Turquia vende pílulas que 'curam'
homossexualidade em 8 meses
Um remédio chamado Homofin está sendo vendido na Turquia com a promessa de curar a homossexualidade em até oito meses.
Os responsáveis pelo produto alegam que ele foi desenvolvido à base de hormônios encontrados na urina de mulheres e no suor masculino.
Eles indicam, inclusive, que mães preocupadas com uma possível homossexualidade dos filhos, dissolvam o conteúdo das capsulas na comida sem que eles saibam.
O medicamento tem página no Facebook e um frasco com duração para 30 dias custa por volta de R$ 140.
Ao site “Gay Star News”, o presidente da Associação Mundial de Psiquiatria, Dinesh Bhugra, que é abertamente gay, condenou o Homofin. “É totalmente antiético. Especialmente se a medicação está sendo dada a alguém sem o seu consentimento”.
A Associação de Psiquiatria da Turquia afirmou que já tomou medidas legais e apresentou queixas “contra as instituições relevantes, como o governador, o conselho de propaganda e o escritório do promotor público relacionadas ao chamado medicamento Homofin”, disseram.
“Homofin foi colocado no mercado através de um site com a alegação de que ‘trata’ a homossexualidade. Esta prática antiética e não científica considera a homossexualidade uma doença e representa uma ameaça para a saúde pública através da venda de um chamado medicamento (com conteúdo desconhecido) , com a promessa de tratar uma doença inexistente”.

5ª TEMPORADA

The Vampire Diaries terá 1º
vampiro gay da série
A quinta temporada da série “The Vampire Diaries” terá uma novidade a mais para os LGBT: o primeiro vampiro gay na trama.
Segundo o “E! Online”, Luke será bonito e sarcástico, além de ter uma relação muito próxima com a sua irmã – fato que será desenvolvido ao longo da temporada, e ele fará tudo que puder para protegê-la.
Não foi informado o ator que interpretará o vampiro gay. A quinta temporada começou nos Estados Unidos em outubro e retorna em 23 de janeiro, após a pausa do final de ano. No Brasil, ela é transmitida pelo canal a cabo Warner.
“The Vampire Diaries” estreou em 2009. A série se passa numa cidade fictícia do Estado norte-americano da Virgínia e mostra o triângulo amoroso de Elena Gilbert (Nina Dobrev) e os irmãos Stefan Salvatore (Paul Wesley), o vampiro do bem, e seu irmão Damon Salvatore (Ian Somerhalder), o vampiro do mal.

GOOD MORNING AMERICA

Apresentadora americana
assume-se lésbica
Imagine uma Ana Hickman assumindo-se lésbica! Nos EUA, foi isso o que aconteceu. Uma co-apresentadora de um dos principais programas matutinos da tevê americana, Robin Roberts, do Good Morning America, falou que é homossexual!
O outing foi feito por meio de post no Facebook no domingo 29  em que Robin lembrou de sua caminhada para superar um câncer e do apoio que recebeu de amigos, junta médica, fãs do programa e – revelação – da companheira Amber Laign, com quem vive há mais de 10 anos. A notícia passou o domingo como uma das mais lidas nos sites noticiosos americanos.

2014

Escoteiros dos EUA vão
aceitar homossexuais
Uma prova de que lutar por igualdade compensa: depois de intenso debate nacional, a entidade Escoteiros dos América, nos EUA, passará a aceitar homossexuais assumidos. A mudança valerá a partir de 1º de janeiro de 2014, quando, por exemplo, escoteiros poderão até desfilar em paradas gays levando o nome do grupo.
Nos últimos anos, a política da entidade de não aceitar gays a fez perder patrocínios de empresas que não desejavam ter imagem ligada à homofobia e até levou o presidente Barack Obama a criticá-la. Eis que o respeito (pelo menos formal) venceu!

CONSCIÊNCIA

"PT não pode permitir novo
Feliciano", diz Arlete Sampaio
“Nós, como partido [PT], não podemos permitir que a Comissão de Direitos Humanos seja presidida por alguém que não defende os direitos humanos.” A fala é da deputada distrital Arlete Sampaio (PT).
A preocupação da parlamentar vem do receio de que um “novo” Marco Feliciano (PSC-SP) surja em 2014. Ótimo o alerta ter vindo de dentro de um dos principais responsáveis pela ascensão de Feliciano: o próprio PT, que abriu mão de presidir a comissão em 2013.
O registro da fala de Arlete foi feito pela coluna Do Alto da Torre, do Jornal de Brasília.

PAPELÃO

Cientista mente sobre a cura da aids
para ficar com dinheiro de doações
Um cientista da Universidade Estadual de Iowa, nos Estados Unidos, admitiu ter fingido que havia descoberta a cura da aids para ficar com uma quantia milionária de doações para o centro acadêmico.
O médico Dong-Pyou Han, professor assistente de ciências biomédicas, havia anunciado que o sangue de coelho poderia acabar com a doença.
Han mostrou um teste clínico com sangue humano saudável para fazer parecer que um medicamento à base de sangue de coelho havia produzido anticorpos contra o HIV.
O Instituto Nacional de Saúde doou uma parte de US 19 milhões (cerca de R$ 44 milhões) para ajudar a desenvolver a descoberta.
Quando outros pesquisadores não conseguiram obter os mesmos resultados que Han, suspeitas foram levantadas. O cientista malandro pediu demissão e concordou em não buscar contratos com o governo por três anos.

NATUREZA DIVERSA

Casal de pinguins lésbicas
surpreende zoológico de Israel
Os tratadores de animais do zoológico de Tel Aviv, em Israel, se surpreenderam ao verem que se formou um casal de pinguins lésbicas no local.
Segundo a agência Associated Press, os funcionários relatam que os animais faziam até rituais de acasalamento e criaram uma casa fazendo-os pensar que se tratava de um casal hétero.
“Depois que descobrimos que são duas fêmeas, pensamos que seria pela desproporção entre machos e fêmeas. Mas descobrimos que essa não é a razão. Se elas quisessem escolher um macho, teriam feito isso”, afirmou a bióloga Mor Porat à agência.

TELONAS

Benedict Cumberbatch aparece
como o matemático gay Alan Turing
O ator Benedict Cumberbatch apareceu pela primeira vez caracterizado como o matemático gay Alan Turing, no filme “The Imitation Game”, que ainda não tem data de estreia.
O longa, que conta ainda com o bonitão Matthew Goode e Keira Knightley no elenco, mostra como Turing ajudou os Aliados a decifrarem mensagens dos alemães na Segunda Guerra.
Na terça, o matemático recebeu o perdão real de Elizabeth II 59 anos após sua morte. Ele foi preso e condenado por homossexualidade e morreu na prisão em 1954.

PROJETOS

Parlamento Europeu avança na
discussão contra a homofobia
O ano de 2014 pode começar com uma discussão bastante importante para nós LGBT no Parlamento Europeu.
É possível que vá à votação nos primeiros meses do ano um relatório contra a homofobia, aprovado na semana passada pela Comissão das Liberdades Cívicas da Justiça e dos Assuntos Internos.
O documento trata de discriminação em razão da orientação sexual e identidade de gênero e pede que a Comissão Europeia apresente propostas contra a discriminação no emprego, educação, saúde e acesso e bens e serviços, bem como no sentido de punir discurso e crimes de ódio.















LINDO!


Google coloca casamento e depoimento
gays em sua retrospectiva 2013
Em sua retrospectiva dos fatos mais marcantes do ano, o Google não nos esqueceu. Pelo contrário. Um casamento gay é a segunda menção do vídeo no bloco “novos começos”.
Outra menção LGBT no vídeo é o depoimento do atleta de basquete Jason Collins, o primeiro da NBA a se assumir homossexual. “Quando você chega naquele ponto de aceitação, não há nada mais bonito”, diz Collins no vídeo.
A rápida retrospectiva também lembra das mortes de Nelson Mandela e Paul Walker, o terceiro Oscar de Daniel Day-Lewis, o sucesso do Daft Punk e a paquistanesa Malala Yousafzai, de 16 anos, que virou um símbolo pelo direito das mulheres estudarem em seu país.


CONQUISTA


Holanda bane esterilização
forçada em transgêneros
Apesar da liberalidade nos costumes e nas leis (inclusive em relação aos direitos gays), a Holanda não tratava muito bem seus transexuais. Até hoje. O Senado do país baniu, na terça-feira, 17, a esterilização forçada.
Atualmente, o sexo legal de uma pessoa só pode ser alterado depois das operações de modificação de gênero e de esterilização forçada, seguidas de autorização judicial.
A nova lei simplifica o procedimento para registrar o gênero nos documentos e reduz a idade de consentimento para a transição para 16 anos. Ela entra em vigor em 1º de julho de 2014.


SÃO FRANCISCO


Homens correm com roupas de
baixo para ajudar causa da aids
Enquanto a temperatura cai no Hemisfério Norte, algumas pessoas resolveram tirar a roupa e ir para a rua por uma causa nobre.
Em São Francisco, no bairro gay do Castro, foi realizada a 5ª Santa Skiwie’s Run (Corrida de Natal de roupas de baixo).
Organizado pelo Lookout Bar, o evento é em prol da San Francisco Aids Foundation e as inscrições este ano arrecadaram mais de US$ 50 mil. Confira o look de alguns participantes que se aventuraram no frio:


CONTRA A HOMOFOBIA RUSSA


Obama não vai à Olimpíada de Sochi
e ainda mandará atletas lésbicas
Nem o presidente norte-americano Barack Obama ou a primeira-dama Michelle Obama estarão presentes na Olimpíada de Sochi, em fevereiro, na Rússia. Além de não irem, foram anunciados nomes de atletas lésbicas que estão na delegação norte-americana para a abertura e o encerramento do evento.
Na cerimônia de abertura estará a tenista lésbica Billie Jean King. Ela é membro do Conselho do Presidente sobre Fitness, Esportes e Nutrição, membro do International Tennis Hall of Fame, e já foi agraciada com a Medalha Presidencial da Liberdade.
No encerramento, entre os presentes estará Caitlin Cahow, medalhista de prata olímpica e medalhista de bronze no hóquei no gelo feminino, que assumiu-se lésbica no início deste ano.
Para Omar Sharif Jr., porta-voz da Associação Contra a Difamação de Gays e Lésbicas (Glaad, na sigla em inglês), a mensagem que Obama dá à homofóbica política em vigor na Rússia é objetiva.
“O que está claro é que o presidente e a primeira-dama não vão apoiar os maus-tratos das pessoas LGBT e suas famílias, não importa de onde elas sejam. Esta é uma oportunidade para a administração Obama e sua comitiva para falarem mais diretamente sobre a proteção de pessoas LGBT na Rússia e em todo o mundo”, afirmou Sharif Jr.


EXCELÊNCIA


Café Savana obtém primeiro lugar
em Festival Bar em Bar 2013
Conhecido pelo cardápio variado, o Café Savana participou do Festival Bar em Bar 2013 de Brasília. O estabelecimento recebeu dois prêmios de primeiro lugar, sendo a Cerveja Mais Gelada e os Melhores Garçons.
O bolinho de mandioca também ficou entre os melhores eleitos na categoria de Petiscos. O atendimento do Café Savana obteve segundo lugar entre 22 estabelecimentos participantes da capital brasileira.
O proprietário Marcelo Mello conta ao ParouTudo que ficou surpreso com os prêmios. “A ideia é oferecer sempre um serviço de qualidade, com o melhor preço”, diz.
Composto de um júri diversificado, os avaliadores votaram nos locais em que mais se destacaram nos quesitos: Cerveja mais gelada, Melhor Chope, Melhor Pestico/Porção, Melhor Atendimento, Garçom Destaque e Melhor Ambiente.
Com a chegada do final do ano, o Café Savana mantém o tradicional cardápio da época. Os quiches e petiscos são os mais procurados, e estão disponíveis para encomenda pelo telefone: (61) 3347-9403.


BATALHA PERDIDA


Bancada religiosa consegue enterrar
projeto que criminaliza homofobia
O PLC 122/2006, que criminaliza a homofobia, deve sair de circulação. Após anos de vai-e-vem no Congresso e no Senado, subjugado aos interesses homofóbicos da bancada evangélica, ele foi atrelado à reforma do Código Penal.
Em votação, na terça-feira, 17, os senadores aprovaram requerimento do senador Eduardo Lopes (PRB-RJ) para que o projeto seja apensado ao projeto de reforma do Código Penal (PLS 236/2012). Foram 29 votos favoráveis, 12 contrários e duas abstenções.
O relator do projeto, o senador Paulo Paim (PT-RS) e o senador Eduardo Suplicy (PT-SP) se manifestaram contrários ao requerimento por acreditarem que a tramitação conjunta enfraquecerá o debate da criminalização da homofobia, de acordo com a “Agência Senado”.
Já os intolerantes Eduardo Lopes e Magno Malta (PR-ES) disseram que é o Código Penal que deve tratar desse assunto e por isso justifica-se seu apensamento ao projeto.
A imprensa já havia divulgado que o governo não queria que o projeto fosse votado agora para não prejudicar o apoio dos deputados e senadores evangélicos à tentativa de reeleição da presidente Dilma Rousseff. Mas alguns senadores como Paim, Suplicy e Ana Rita, todos do PT, estavam resistentes e lutavam pela aprovação do PLC 122.


MELHORES DE 2013


Nomes brasilienses concorrem
à prêmio nacional da cena LGBT
Está quase acabando a votação dos melhores do ano da cena LGBT no Brasil, mas ainda dá tempo de votar! A premiação é realizada anualmente pelo site Ômega Hitz.

As 23 categorias da competição são divididas nos seguintes tópicos: Artistas, Pista, Melhores da Música, Noite e Web. Brasília entra no páreo com nove indicações de talentos da cidade.

Os brasilienses André Queiroz, Rozy Acioly e Tiago Vibe disputam juntamente com o residente Henrique Alves o prêmio como DJ/Performance do Ano.

O editor-chefe do ParouTudo, Thales Sabino, e os blogueiros Rick Hudson e Tágide Peres do BCQ estão concorrendo na categoria Personalidade LGBT da Cena em 2013.

A drag Aretuza Lovi e a casa noturna Victoria Haus também concorrem ao Ômega Hitz Awards. Elas competem, respectivamente, pelos títulos de Drag/Perfomance e Boate do Ano. Clique aqui para votar!


PROJETOS


Sofia Coppola vai dirigir
cinebiografia de poeta gay
A cineasta Sofia Coppola anunciou que seu próximo projeto será a cinebiografia do poeta e ativista gay Steve Abbott.
Ela adquiriu os direitos do livro “Fairyland: A Memoir of My Father”, escrito pela filha do poeta, Alysia Abbott, e lançado em 2012.
“Eu amo o livro ‘Fairyland’, é uma história de amor doce e original de uma menina e seu pai, ambos crescendo juntos em 1970, em São Francisco”, disse Sofia ao site “Deadline”. “Eu acho que será um filme envolvente e comovente sobre um assunto que eu nunca vi antes.”
O livro conta uma história de amadurecimento pessoal passado na vibrante cena cultural de São Francisco nas décadas de 1970 e 1980, antes e depois da aids. A doença resultaria na morte do poeta.
“Estou muito contente que Sofia Coppola e a Zoetrope (produtora de seu pai, Francis Ford Coppola) vão criar a versão cinematográfica de ‘Fairyland’. A compreensão da perspectiva feminina e da visão artística que Sofia divide com Andrew Durham (que escreverá junto a Sofia o roteiro) os tornam parceiros ideais para fazer este filme. Eu não poderia estar mais feliz”, revelou Alysia.


DISTINCT.TT


Lançado aplicativo para
gays a partir de 12 anos
Aplicativos gays não deveriam se tratar apenas de peitos nus e conversas para saber se vão transar na sua casa ou na dele. Isso é o que acreditam os criadores do Distinct.tt.
Os responsáveis pelo app dizem que é o “único aplicativo social gay aprovado pela loja iTunes para pessoas de 12 anos ou mais”. A ideia é que gays realmente se socializem por ali e não procurem apenas sexo.
“Com ênfase no bom gosto, Distinc.tt é elegantemente concebido para conduzir facilmente os usuários para o evento certo, restaurante, festa ou local de férias no calendário onde seus amigos estão ou pretendem ir em breve”, diz parte do texto dos criadores.
O CEO da empresa, Michael Belkin, afirma que lançou o Distinct.tt porque ficou “enojado com os torsos insípidos e imagens em sites sociais gays e aplicativos.”
Ele quer que “a parte boa gosto do estereótipo gay ganhe força com os anunciantes e atravesse a divisão mainstream.”


TORCENDO!


Roteiro para filme da série Absolutely
Fabulous está perto de sair
Uma das séries favoritas por gays com mais de 30 anos, “Absolutely Fabulous” (sucesso da TV britânica nos anos 1990) é cogitada há bastante tempo para virar filme. Segundo uma de suas criadoras, não deve demorar.
Jennifer Saunders, que escrevia a série e interpretava a alcoólatra Edina disse que deve começar a produzir o roteiro a qualquer momento. “Estou perto de pegar uma caneta”, disse ao talk show “This Morning”.





TopSuperDivo Raynniere

Google+